Direção de arte magistral – Hugo Cabret

Não é porque ganhou 5 estatuetas (até porque a Academia muitas vezes comete falhas), mas a direção de arte e fotografia do filme, “A invenção de Hugo Cabret” (de invenção o Hugo não fez nada, até quando vão colocar nomes em filmes brasileiros que não têm nada a ver com a história central?) são primorosos.

O fato de ser 3d, filmado por uma câmera Cameron-Pace e transmitir toda uma sensação lúdica misturada com sonho, veio bem a calhar para quem quer fazer homenagens nostálgicas à infância no cinema. Principalmente quando se trata de “zooms” ao funcionamento mecânico de relógios antigos e de uma estação de trem de uma Paris em 1930. Ganhou, afinal, por design de produto e decoração de set dentro de direção de arte.

Ah, o filme seria ainda mais especial se fosse em francês. Num mundo globalizado como o nosso, por que não?

About these ads

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

Follow

Get every new post delivered to your Inbox.

Join 88 other followers

%d bloggers like this: